Mauricio Kus
MAGICO DE OZ CHEGA A SÃO PAULO


Por Mauricio Kus, 31/01/2013 às 10:31

"MAGICO DE OZ" CHEGA A SÃO PAULO COM PRODUÇÃO DOS MAGOS DO MUSICAL CHARLES MOELLER E CLAUDIO BOTELHO

Chega a São Paulo, no próximo dia 22 de fevereiro, no palco do Teatro Alfa, a superprodução brasileira do musical “O Mágico de Oz”, aquele que talvez seja o mais celebrado musical de todos os tempos.

MAGICO DE OZ EM SÃO PAULO - PRODUÇÃO CHARLES MOELLER E CLAUDIO BOTELHO

O elenco tem 35 atores e 16 músicos, incluindo Heloisa Perissé, Lucio Mauro Filho, André Torquato, Nicola Lama, Luiz Carlos Miéle e Malu Rodrigues, como Dorothy, papel vivido no cinema (em 1939) pela fabulosa Judy Garland, um icone do musical e da música americana.

É o 31º musical da dupla, que conta em seu currículo sucessos como "Hair", “A Noviça Rebelde”, Gypsy” e ”Um violinista no telhado”.

A temporada carioca de "O mágico de Oz" foi vista por mais de 80.000 espectadores

A montagem é baseada na única adaptação autorizada para o teatro, feita pela Royal Shakespeare Company, seguindo praticamente todo o roteiro do filme, vencedor do Oscar de melhor trilha sonora e canção original (“Over the Rainbow”).

A equipe artística, sob a coordenação de Tina Salles, enfrentou o desafio de reler cenas que se tornaram lendárias no cinema, como o furacão que leva Dorothy a Oz, a aparição das Bruxas e o famoso vôo do balão com a personagem-titulo.

A beleza, arrojo e fidelidade destas cenas levaram Aniela Jordan, diretora da Aventura Entretenimento, a comemorar: “Esta é, sem dúvida, a nossa maior produção. O resultado desta montagem atesta a maioridade e a independência das produções nacionais no universo do teatro musical”.



Mais de 150 profissionais trabalharam na produção de 14 cenários diferentes, nas mais de 300 peças que compõem o figurino e na preparação de efeitos cênicos.

Figuras míticas como o Espantalho, o Homem de Lata e o Leão Covarde ganharam vida e destaque na produção.

Malu Rodrigues, com apenas 18 anos foi escolhida para liderar o elenco, como Dorothy. Apesar da pouca idade, é – de certa forma – uma veterana no palco, tendo participado dos musicais “A Noviça Rebelde”, “7 – O Musical”, “O despertar da Primavera”,”Beatles num Céu de Diamantes” e “Um Violinista no Telhado”, todos com direção de Moeller e Botelho.

Lucio Mauro Filho, que estréia em musicais, André Torquato, revelado em “Gipsy” e estrela de “Priscilla, a Rainha do Deserto” e Nicolau Lima, grande desempenho em “Um violinista no Telhado”, vivem no palco, respectivamente, o Leão Covarde, o Espantalho e o Homem de Lata, o trio de amigos que ajudam Dorothy a trilhar pela Estrada dos Tijolos Amarelos.

Heloisa Perissé estréia no teatro musical como a atrapalhada Bruxa Má do Oeste, enquanto Bruna Guerin, revelação em “Hair” será Glinda a Bruxa Boa. Fernando Vieira dá vida ao Tio Henry e Luiz Calos Miéle é o Mágico, personagem relevante na saga de Dorothy.



Moeller e Botelho colocam, pela primeira vez um animal em cena. Quatro cães se alternam como Totó, o cachorro que ficou tão famoso, que originou o apelido para cachorros do mundo todo.

"O mágico de Oz" tem por base um livro escrito em 1900 por L. Frank Baum, originalmente intitulado “O maravilhoso mágico de Oz”, obra que neste mais de século de existência é um dos maiores sucessos editoriais da literatura infantil. Minhas netas, Alessandra e Bruna, 6 e 7 anos, adoram os livros ilustrados e não cansam de ver em DVD a versão da Metro Goldwyn Mayer, com Judy Garland.

Capa do livro da primeira edição de “O mágico de Oz”, de L.Frank Baum


A obra tem sido traduzida para diversos idiomas e adaptadas para o cinema, teatro e televisão. Nos anos 80, vi na Broadway um espetáculo chamado “Oz”, que é a história adaptada para um elenco totalmente negro.

Em março de 2013, chega aos cinemas “Oz: The Great and Powerful”, que contará a história da chegada do mágico a Oz. Dirigido por Sam Raimi, o longa terá James Franco, Michelle Williams, Rachel Weisz e Mila Kunis no elenco.

Alguns vêem a história de L.Frank Baum como uma sátira política e social A menina do Centro-Oeste (típico cidadão americano) reúne-se com um espantalho sem cérebro (agricultores), um homem de lata sem coração (industria), um leão covarde (políticos) e um mágico impotente (tecnologia).

A temporada paulista no Teatro Alfa, será apresentada às sextas-feiras às 21h30;sábados às 16h e 20h, e domingos às 15 h e 19h.

Estreando no dia 22 de fevereiro, a temporada segue até 26 de maio.
É um espetáculo livre, tem duração de 150 minutos, com intervalo de 15 minutos.



Leia também:

DOROTÉIA - com Rosamaria Murtinho e Letícia Spiller - 12 de Maio - Teatro Cetip
10/05/2017 - 01:03
Para comemorar seus 60 anos de carreira, Rosamaria Murtinho interpreta a protagonista e vilã Dona Flávia na peça Dorotéia. Encabeçando o elenco de mais dez...


Clube 100 Amigos de Nelson Gonçalves será lançado dia 21 junho
01/06/2017 - 18:30
Em comemoração ao Centenário de Nelson Gonçalves, data a ser celebrada em 2019, suas filhas Lilian e Margareth Gonçalves apresentarão no próximo dia 21 de ...


Vera Fischer interpretará delegada em filme sobre tortura policial
10/04/2017 - 10:23
...


QUANDO OS ASTROS DE HOLLYWOOD VINHAM AO BRASIL
20/09/2009 - 22:36
Hoje raramente recebemos a visita de um astro de Hollywood para promover o lançamento de seus filmes. Os grandes estúdios, lançam os filmes simultaneamen...


JOINT VENTURE TRÁS BELGA PYLOS GROUP PARA O PAÍS, EMPRESA É UMA DAS MAIS RENTÁVEIS EM OPERAÇÕES IMOBILIÁRIAS NO MUNDO
08/12/2010 - 20:37
A belga Pylos Group, uma das mais rentáveis e criativas empresas focadas em investimentos imobiliários no mundo, e a Blue Business Participações, baseada e...


"Lili Marlene", Um Musical - Fause Haten - Teatro Eva Herz
15/05/2017 - 10:05
Fause Haten encena novo espetáculo ao lado de Andre Cortada com apresentações às terças e quartas...


CHI, LÁ VEM A CHATA DA BRIGITTE BARDOT, DE NOVO
28/02/2011 - 18:16
O carioca, na sua irreverência, não perdoou Brigitte Bardot, pelo excesso de aparições nos lugares da moda da Cidade Maravilhosa, depois de passar várias...


JANTANDO COM UM MITO DO CINEMA: WILLIAM WYLLER
31/03/2010 - 2:49
Se o Data Folha ou o Ibope resolverem fazer uma pesquisa nas longas filas que se formam nos cinemas que exibem “Avatar”, para ver quem conhece ou ouviu fal...


GRANDES ESTRELAS...PEQUENOS DESLIZES
26/08/2009 - 15:04
Duas experiências quase idênticas, com jornalistas no Aeroporto Internacional de Viracopos (antes da inauguração de Guarulhos), com duas estrelas de cinema...